Fanfarra

HISTORIAL DA FANFARRA DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DA NAZARÉ

A Fanfarra dos Bombeiros Voluntários da Nazaré foi fundada em meados de Outubro de 1975. Os instrumentos eram originários da extinta Legião portuguesa e foram adquiridos através do Sr. Augusto Brites, funcionário civil do depósito de material de guerra de Beirolas, Lisboa. Embora se fosse através dos tempos substituindo alguns instrumentos, nomeadamente a substituição de clarins pelos antigos bugles, a fanfarra ainda mantém a traça de origem nos seus bombos, timbalões e caixas de guerra.

A primeira aparição em público desta fanfarra foi no Carnaval de 1976 em que os elementos saíram a tocar mascarados, cerca de um mês depois tocaram já fardados na procissão do Sr. dos Passos na Nazaré.

De início a fanfarra era composta por 63 elementos, sendo 50 entre bastões, bombos, timbalões e caixas de guerra e 13 Clarins. Hoje a fanfarra è composta por cerca de 36 elementos. Esta fanfarra manteve-se através dos tempos no ativo sem alguma interrupção, tendo os atuais e cessantes comandos e direções feito um enorme esforço para a manterem no ativo. A fanfarra tem entre 20 e 25 exibições por ano tanto No conselho da Nazaré como pelo país

Galeria de Fotos